Artigo

O artigo sempre aparece ao lado de um substantivo. Por esse motivo é preciso usa-lo com cuidado, pois ele possui o poder de transformar classes gramaticais.

Sempre ao lado do substantivo, o artigo é utilizado para caracterizar ou não o ser ou objeto de quem se fala. Dentro da língua portuguesa ele é uma das dez classes gramaticais.

Seu valor não é tão grandioso dentro da morfologia, mas ele é capaz de transformar uma classe gramatical em substantivo.

É por essa razão que o artigo não pode ser usado a esmo.

O que é artigo

Quando o artigo é utilizado apropriadamente evita que problemas de gênero e número em certos substantivos aconteçam.

Mas eles não servem apenas para isso, pois é através deles que detalhes de significação de maior expressão podem ser explorados.

Geralmente os pronomes indefinidos introduzem nos textos informações novas. Em compensação, quem as retoma são os artigos definidos.

Assim o artigo definido determina o referente que passa a integrar um conjunto argumentativo que faz com que os textos se mantenham coesos.

É uma palavra que se encontra antes do substantivo e se classifica como definido e indefinido. Ele é utilizado com o intuito de indefinir ou particularizar o nome.

Vai te ajudar:  Pronomes

Apesar de ter certa importância, se observarmos bem perceberemos que seu valor semântico demonstrativo é reduzido.

Isso acontece porque a língua portuguesa permite que seu papel seja apenas de adjunto do substantivo. Mas apesar de sua função ser delimitada o artigo é capaz de provocar diferenças importantes no sentido da frase. Observe as seguintes estruturas:

O menino quebrou a janela.

Um menino quebrou a janela.

Essas duas frases são bem parecidas e apresentam como única diferença o artigo que acompanha o substantivo, um e o.

Sua estrutura é praticamente igual, mas como possui artigos diferentes o contexto desses exemplos não é o mesmo.

Na primeira frase temos que o interlocutor deixa claro que conhece o menino ao utilizar o artigo definido o.

Já na segunda frase ele demonstra que não sabe quem quebrou a janela quando faz uso do artigo indefinido um.

Tipos de artigo

Dentro da língua portuguesa o artigo é classificado em dois tipos: definido e indefinido.

Eles se diferem entre si e quando utilizados podem ou não identificar um ser ou determinado objeto dentre vários da mesma espécie.

Vamos entender um pouco mais sobre cada um deles?

Artigo definido

Ele sempre irá caracterizar algum objeto em particular ou um ser. Para isso são utilizados: a, o, as, os.

Vai te ajudar:  Como Usar a Vírgula: 5 regras para aprender uma vez por todas

Exemplo:

  • A janela está aberta;
  • O garoto pulou da janela;
  • As meninas brincam de roda;
  • Os cachorros estão latindo.

Artigo indefinido

O artigo indefinido é todo aquele que ao invés de particularizar um objeto ou ser aborda um dentro de uma espécie sem o caracterizar.

Para isso utiliza-se: um, uns, uma, umas.

Exemplo:

  • Uma janela está aberta;
  • Uns pássaros voaram;
  • Um elefante se machucou;
  • Umas peças de roupas foram roubadas.

Exemplos de artigo

Maria convidou para sua festa uns amigos que não gosto muito.

Comprei umas meias para presentear João.

Um dia todos irão me agradecer.

Uma vez eu caí e machuquei o joelho.

Perceba que nos exemplos acima não há a definição de um lugar, pessoa ou objeto. Não é feita a especificação de quais os amigos de Maria o interlocutor não gosta e não se sabe quando a pessoa caiu e machucou o joelho.

O termo “umas meias” passa uma ideia vaga do presente comprado para João, mas não a certeza de quais meias foram compradas.

Mas atenção, é fundamental tomar cuidado com o artigo indefinido. Ele não se trata de um numeral se não estiver indicado uma quantidade como no exemplo acima.

Veja também

Artigo
5 (100%) 3 votes

CURSOS E DICAS